MDF e seus segredos não tão secretos assim

Há muitas dúvidas a cerda do <strong>MDF</strong>, e por isso hoje nós, da <a title=”Marcenaria na Zona Leste” href=”http://moblex.kairosdigital.com.br/”><strong>Moblex</strong></a>, vamos esclarecer tudo sobre o assunto. MDF (Medium Destiny Fireboard) em inglês, ou <strong>Placa de Fibra de Média Densidade</strong>, na nossa querida língua, é um tipo de painel industrializado composto de fibras de madeira e resina.

&nbsp;

O <strong>MDF</strong> existe no mundo desde a década de 60, mas só ganhou espaço no mercado no Brasil a partir de 1994, e é usado principalmente na indústria moveleira, em substituição às chapas de compensado.

&nbsp;

Ele tem um comportamento melhor que o compensado em muitas situações, pois não tem as fibras longas de madeira como compensado, que provocam o empenamento das chapas quando as condições do ambiente mudam. Por consequência, o manuseio destas chapas é também completamente diferente dos derivados de madeira natural. Montagens de peças com <strong>MDF</strong> devem ser feitas com ferragens adequadas, desenvolvidas exatamente para este fim. O <strong>MDF</strong> deve ser usinado, ou seja, devem ser feitas as perfurações precisamente nas medidas das ferragens a serem fixadas ou encaixadas.

&nbsp;

O <strong>MDF</strong> não permite a fixação de nenhum elemento por pressão, pois não tem a elasticidade das fibras longas de madeira, e o painel acaba trincando se submetido a estes esforços. Trabalhar com esse material exige um treinamento específico do profissional, que não pode utilizar as técnicas tradicionais de marcenaria neste material.

&nbsp;

Quando se fixa um parafuso em madeira natural, as fibras se contraem e o parafuso ocupa o espaço entre elas se fixando com firmeza. O <strong>MDF</strong> não tem esta elasticidade, e se não forem feitas as usinagens prévias, com a entrada do parafuso ele trinca, soltando-o em pouco tempo. Por isso é comum que portas de armário caiam, corrediças de gavetas se soltem, dando a impressão de que a qualidade da chapa ou da ferragem era ruim.

&nbsp;

Outra vantagem que o <strong>MDF</strong> trouxe ao mercado da indústria moveleira foi a oferta de painéis acabados (revestidos), resultando principalmente na redução de custos do produto final. Os painéis em <strong>MDF</strong> já vem com revestimento de alta resistência mecânica, semelhantes ao laminado plástico, oferecendo uma extensa diversidade de cores e padrões de acabamentos, e reduzindo processos na produção dos móveis, resultando em uma significativa redução do custo final.

&nbsp;

Ou seja, esse material é um material de alta tecnologia e qualidade, ele requer treinamento e conhecimento técnico do manuseio e emprego de ferragens, ótimo comportamento em resistência e estabilidade se bem trabalhado. O custo do <strong>MDF</strong> é bastante reduzido, grandes variedades de padrões, cores e acabamentos. Permite produção industrializada e reque aplicação de técnicas específicas e máquinas no manuseio.

&nbsp;

Quer saber mais sobre o assunto? Entre em contato com a <a title=”Marcenaria na Zona Leste” href=”http://moblex.kairosdigital.com.br/”><strong>Moblex</strong> </a>e venha nos conhecer!

05/11/2019